quinta-feira, 17 de maio de 2012

Faça Bonito

Campanha “Faça Bonito. Proteja nossas Crianças e Adolescentes”.
Agenda Nacional - 18 de maio de 2012.


18 de maio
Uma data para não ser esquecida

 Em 1973 um crime bárbaro chocou o Brasil. Seu desfecho escandaloso seria um símbolo de toda a violência que se comete contra as crianças.
 Com apenas oito anos de idade, Araceli Cabrera Sanches foi sequestrada em 18 de maio de 1973. Ela foi drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família capixaba. O caso foi tomando espaço na mídia. Mesmo com o trágico aparecimento de seu corpo, desfigurado por ácido, em uma movimentada rua da cidade de Vitória (ES), poucos foram capazes de denunciar o acontecido. O silêncio da sociedade capixaba acabaria por decretar a impunidade dos criminosos.
 Os acusados, Paulo Helal e Dante de Brito Michelini, eram conhecidos na cidade pelas festas que promoviam em seus apartamentos e em um lugar, na praia de Canto, chamado Jardim dos Anjos. Também era conhecida a atração que nutriam por drogar e violentar meninas durante as festas. Paulo e Dantinho, como eram mais conhecidos, lideravam um grupo de viciados que costumava percorrer os colégios da cidade em busca de novas vítimas.
 A capital do estado era uma cidade marcada pela impunidade e pela corrupção. Ao contrário do que se esperava, a família da menina silenciou diante do crime. Sua mãe foi acusada de fornecer a droga para pessoas influentes da região, inclusive para os próprios assassinos.
 Apesar da cobertura da mídia e do especial empenho de alguns jornalistas, o caso ficou impune. Araceli só foi sepultada três anos depois. Sua morte ainda causa indignação e revolta. O dia 18 de maio foi instituído em 1998, quando cerca de 80 entidades públicas e privadas, reuniram-se na Bahia para o 1º Encontro do Ecpat no Brasil. O evento foi organizado pelo Centro de Defesa de Crianças e Adolescentes (CEDECA/BA), representante oficial do Ecpat, organização internacional que luta pelo fim da exploração sexual e comercial de crianças, pornografia e tráfico para fins sexuais, surgida na Tailândia. O encontro reuniu entidades de todo o país. Foi nessa oportunidade que surgiu a ideia de criação de um Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto-Juvenil.
 De autoria da então deputada federal Rita Camata (PMDB/ES) - presidente da Frente Parlamentar pela Criança e Adolescente do Congresso Nacional -, o projeto foi sancionado em maio de 2000.
 Desde então, a sociedade civil em Defesa dos Direitos das Crianças e Adolescentes promovem atividades em todo o país para conscientizar a sociedade e as autoridades sobre a gravidade da violência sexual.

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes vem manter viva a memória nacional, reafirmando a responsabilidade da sociedade brasileira em garantir os direitos de todas as suas Aracelis.
 Lei 9.970 – Institui o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infanto-juvenil
 Art. 1º. Fica instituído o dia 18 de maio como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

ProgramaçãoCerimônia em Alusão ao 18 de Maio com entrega oficial da segunda edição do Prêmio Neide Castanha.
 Horário: 09:00
 Local: Auditório Nereu Ramos – Câmara Federal, Brasília - DF.
 Confirmações: facabonito@gmail.com


Programa
09:00 - Abertura e composição da Mesa.
09:15 - Entrega oficial aos agraciados do Prêmio Neide Castanha com presença especial de Fafá de Belém e Elisa Lucinda.
09:30 - Elisa Lucinda lança o Projeto “Palavra de Polícia – Outras Armas” (Casa Poema e OIT.
09:40 - Entrega do documento sobre o Impacto das Grandes Obras na Violação de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e o Marco Regulatório dos estudos de Impacto Socioambiental para a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.
10:00 - Lançamento da Publicação do Mapeamento da Exploração Sexual nas Rodovias Federais (PRF);
- Lançamento da Publicação “Proteger e Responsabilizar” (Comitê Nacional e ANCED);
- Apresentação de balanço de dados 2011 do Disque 100 (SDH);
- Apresentação da Matriz Intersetorial de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes (SDH).
11:00 - Encerramento.
 Show Pela Vida contra Violência
Horário: 13:30
Local: Esplanada dos Ministérios, Brasília - DF.
Confirmações: 18demaio2012@gmail.com

 Programa
13:30 - Saída da Caravana Siga Bem do Estacionamento do Ginásio Nilson Nelson.
14:00 - Apresentações Culturais de Crianças e Adolescentes das escolas públicas, SEDEST, SEJUS e organizações não governamentais do DF.
15:30 - Chegada da Caravana Siga Bem com a presença de Fafá de Belém.
16:30 - Ato Solene com a Revoada de Balões e Execução do Hino Nacional cantado por Fafá de Belém.
18:00 - Projeção da logo da Campanha no Museu da República

Outras informações:
facabonito@gmail.com
18demaio2012@gmail.com
61 3347-8524

Comente e Passe Pra Frente!

2 comentários:

Liliane Blog Sonhar e Ser disse...

muito oportuna sua postagem.
não conhecia o caso, mas fiquei realmente triste.
a impunidade e o desrespeito com a vida das crianças é algo seríssimo em nosso país
aproveito a oportunidade para agradecer sua presença em meu blog.
muito grata.
deixo meus parabéns por manter este espaço tão importante.
abraço.

Cibele Maciel disse...

Pois é sempre o dinheiro e o poder falando mais alto. Muito triste isso e todos os casos similares que acontecem diariamente no Brasil e no mundo.

Lixo eletrônico

Loading...

Área de Preservação Ideológica!!!

Bem vindos a Área de Preservação Ideológica!
http://www.sitecurupira.com.br/